L'Eglise Aristotelicienne Romaine The Roman and Aristotelic Church Index du Forum L'Eglise Aristotelicienne Romaine The Roman and Aristotelic Church
Forum RP de l'Eglise Aristotelicienne du jeu en ligne RR
Forum RP for the Aristotelic Church of the RK online game
 
Lien fonctionnel : Le DogmeLien fonctionnel : Le Droit Canon
 FAQFAQ   RechercherRechercher   Liste des MembresListe des Membres   Groupes d'utilisateursGroupes d'utilisateurs   S'enregistrerS'enregistrer 
 ProfilProfil   Se connecter pour vérifier ses messages privésSe connecter pour vérifier ses messages privés   ConnexionConnexion 

[LIVRO DAS HAGIOGRAFIAS] Os Anjos

 
Poster un nouveau sujet   Ce sujet est verrouillé; vous ne pouvez pas éditer les messages ou faire de réponses.    L'Eglise Aristotelicienne Romaine The Roman and Aristotelic Church Index du Forum -> Igreja de Portugal - L'Église de Portugal - Church of the Kingdom of Portugal -> Capítulo do Repositório
Voir le sujet précédent :: Voir le sujet suivant  
Auteur Message
Adonnis
Cardinal
Cardinal


Inscrit le: 19 Jan 2018
Messages: 1665
Localisation: Leiria/Condado de Coimbra

MessagePosté le: Dim Juin 21, 2020 3:29 am    Sujet du message: [LIVRO DAS HAGIOGRAFIAS] Os Anjos Répondre en citant



Citation:



    Os Anjos
    Hagiografia do Anjo Al Lopas


    Mensageiro e servo dos Santos, Arcanjos e até de Deus, Al Lopas serve como mensageiro e intercessor entre os homens e os habitantes do Paraíso Solar. Ele é, naturalmente, o patrono protetor dos carteiros, mensageiros, banqueiros e escriturários de todo tipo. Os homens podem, portanto, rezar para que Al Lopas sirva de intermediário com os santos solares menos acessíveis, em troca de doações para a missa. 

    Infância 

    Al Lopas nasceu nos subúrbios chiques do sul de Oanylone. Ele nasceu do improvável caso de amor entre o extremamente rico e debochado banqueiro Krediet e a ingênua e simples carteira Dhlie. Muito jovem, Al Lopas pensou uma vez em oração: "Senhor, permita-me entender as tuas criações". O resultado foi que AL Lopas ficou muito inteligente, aprendendo a ler, escrever e contar desde a sua infância. No entanto, apesar de sua inteligência, era frequentemente considerado um louco por aqueles que o rodeavam, por causa de certos termos mais ou menos incompreensíveis, como "essemesse", ou "0899 191 662", que ele murmurava quando meditava.

    Um belo dia, quando ele foi pescar com Alicebox, sua irmã (conhecida como transparente por causa de seu temperamento doentio, que deixava sua pele muito pálida) uma forte rajada de vento tomou conta das águas. AL Lopas, então, viu sua irmã que estava prestes a se afogar, ele soltou um "Deus pode me ajudar a salvar... Uh, na verdade não, Não, eu acho que prefiro antes ficar forte como um gorila." Logo depois, uma grande força tomou conta de si e ele conseguiu salvar sua irmã da fúria das águas. No dia seguinte, todo o bairro estava ciente da façanha realizada pelo jovem AL Lopas. Ele tentou convencer a população que Deus o ajudara, em virtude de sua grande bondade, e que ele não era um verdadeiro herói, mas os habitantes de Oanylone não o ouviam.

    AL Lopas passou boa parte de sua infância e adolescência trabalhando sucessivamente para seus pais: durante a semana no grande banco de investimentos de seu pai, o duro Krediet, e nos finais de semana ajudando sua mãe, a doce Dhlie, entregando cartas e encomendas.

    Ascenção 

    Embora a Fé no Deus do Amor, revelado por Oane, ainda não estivesse difundida naquela época e que sua família fosse totalmente politeísta, ele teve a sorte de encontrar um velho cego que, consciente da vivacidade de espírito do jovem e de sua predisposição espiritual, lhe ensinou os rudimentos teológicos da época. Rapidamente, ele usou seus ensinamentos para converter sua família e amigos. Apenas seu pai era reticente à sua mensagem religiosa, porque era muito mais atraído pelas pregações egoístas do ganancioso Belzebu.

    Em sua vizinhança, porém, suas primeiras tentativas de conversão à verdadeira fé foram apenas amargos fracassos, já que os ídolos heterodoxos ainda estavam firmemente enraizados na tradição. Sem perder a esperança e, à conselho do velho sábio, foi ao centro de Oanylone para visitar o túmulo de Oane, que serviu de ponto de encontro para um punhado de justos, sob a liderança de um certo Gabriel, cujo destino agora é conhecido. 

    Apesar de sua pouca idade, Gabriel recebeu calorosamente o recém-chegado e AL Lopas pôde compartilhar e aprender com os contatos deste pequeno grupo de crentes fiéis. Rapidamente, ele foi capaz de se fazer útil servindo como tesoureiro e também mensageiro para a comunidade religiosa do templo ao lado do túmulo de Oane. Pouco a pouco, ele estendeu seus serviços a todas as micro-comunidades dos justos da cidade. AL Lopas estabeleceu, de fato, em poucos anos, frutíferos contatos com os vários futuros líderes do campo da virtude: Galadriel, Rafaela, Mikael, Sylphael, Jorge, Miguel e, claro, Gabriel conhecido há muito tempo. 

    Rapidamente, ele ficou profundamente convencido de que o plano de Deus o havia enviado para servir de ligação entre os futuros arcanjos e o próprio Altíssimo. Deus apareceu uma vez, durante uma oração comum, aos sete líderes virtuosos para confirmar sua intuição. AL Lopas colocou as habilidades adquiridas através dos contatos de seus pais no banco e nos correios, à serviço da justa causa divina. AL Lopas, portanto, desenvolveu uma sólida rede de mensageiros, entregadores e tesoureiros, sob a liderança dos arcanjos para unificar e organizar a comunidade nascente dos fiéis.

    Enraizamento 

    Uma vez que sua formação espiritual fora considerada satisfatória, AL Lopas voltou regularmente ao seu bairro para pregar a única fé verdadeira. Quando recontava suas ações à serviço da virtude e de Deus, ele falava com tanta paixão e fervor que seu círculo pessoal de conhecidos fora cativado por seus relatos e, assim, seus corações ouviram a voz de Deus e foram tocados pela Fé.

    Entretanto, mesmo que sua família e alguns de seus amigos tenham seguido seu exemplo, muitas pessoas permaneceram incrédulas. Então, depois de uma noite em que ele havia tentado, desesperadamente e em vão, transmitir os valores mais puros aos camponeses que não o levavam a sério, ele foi ao templo de Oane, em desespero, e murmurou: "Deus você pode me ajudar!... Por favor, eu quero me tornar muito popular para que eu consiga ser mais crível", visando se tornar mais confiável.

    No dia seguinte, ele recebeu uma carta do prefeito local propondo a ele que se tornasse um conselheiro espiritual local! Mas isso não foi suficiente, então AL Lopass rezou pensando em Maria, sua atriz favorita: "Deus, me ajude a desenvolver o meu carisma!... Senhor, torna-me como Maria, cheia de graça, por favor." Durante as semanas seguintes, o jovem AL Lopas se tornou cada vez mais conhecido, respeitado e influente no seu bairro, seus ensinamentos foram levados cada vez mais a sério e os habitantes do seu bairro finalmente começaram a assistir à oração diária com alguma timidez.

    A difusão da fé 

    O grupo de fiéis que seguiam AL Lopas nos subúrbios do sul de Oanylone, cresceu à medida que os dias passavam e eles não perdiam uma única oração. Eles se sentiam amados por Deus, porque enquanto rezavam, seu trabalho nos campos era melhor aproveitado: o fazendeiro de milho se sentia mais forte quando era hora de arar seu campo, e o fazendeiro de ovelhas ficava mais inteligente quando tinha que tosquiar a lã e, até mesmo o político, sentia que tinha mais carisma quando se tratava de tomar grandes decisões. Tudo isso só fortaleceu a sua Fé e, para agradecer a Deus, eles tentaram se tornar ainda mais virtuosos. AL Lopas deu um sermão naquela época, por muito tempo, foi lembrado.

      Sentes-te fraco? És feio? Estás arruinado? Os teus bolsos estão vazios?
      Deus pode te salvar! 
      Não sabes jogar Trivial Pursuit e sentes-te ridículo perante a sociedade?
      Deus pode te salvar!
      Não aguentas mais só com pão e milho? Você gostaria de um suculento pedaço de carne?
      Deus pode te salvar! 
      Não és popular na tua povoação?
      Deus pode te salvar!
      Sentes-te estúpido? Infelizmente, isso é bem provável.
      Deus pode te salvar!
      Cansado das filas no mercado?
      Deus pode te salvar!

    "Mas Deus e suas boas obras também precisam de um impulso seu. Ajude-nos e Deus o ajudará em nossa recomendação!" Acrescentou AL Lopas, antes de colher os donativos na missa para para financiar o estabelecimento de um forte programa social para o bairro. Ao final de seu sermão, AL Lopas orou interiormente pensando: "Deus pode me ajudar a fazer desta coleção um sucesso!... Por favor, Senhor dá-me hoje o pão de cada dia!" O resultado foi óbvio.

    Um dia, quando AL Lopas estava a caminho de um novo bairro, ele viu um camponês, vestido com trapos, com as mãos feridas pelo trabalho braçal. Ele estava chorando, sentado na beira da estrada. AL Lopas, tocado pela tristeza deste homem, aproximou-se e perguntou-lhe sobre o motivo de sua tristeza. O camponês mostrou-lhe suas mãos: "Vê as minhas mãos, e vê os meus campos!" Com um gesto ele mostrou ao AL Lopas uma extensão de terra árida.
     
    "Não importa o que eu faça, não importa o quanto eu trabalhe, minhas colheitas são sempre ruins! Não há nada a ser feito, esta terra não é fértil! Eu mal consigo sobreviver, não sou recompensado pelos meus esforços..." Com isso, ele voltou a chorar. Então, AL Lopas começou a falar com ele sobre Deus e sobre Oane... Ele conseguiu converter o camponês e, juntos, começaram a rezar. Alguns dias depois, na aldeia, AL Lopas estava prestes a fazer seu discurso na praça principal. No meio da multidão, ele viu a silhueta do camponês que se aproximou dele e se atirou aos seus pés e lhe agradeceu. "Desde a sua chegada, houve um milagre: há rebentos no meu campo, terei uma boa colheita." As pessoas ao redor tinham ouvido a conversa, mesmo sabendo que o campo não era fértil! Muito rapidamente, as pessoas começaram a dizer que AL Lopas foi a origem desses milagres. Sua reputação se espalhou como fogo selvagem e, por toda parte, as pessoas vinham vê-lo pedindo por milagres. Porém, a cada um desses pedidos, São AL Lopas respondia que os milagres vinham apenas do fervor de sua Fé e dos donativos ofertados na missa.

    Lucros 

    Entretanto, entre essa corrente de pessoas, havia alguns ignóbeis pecador que via nessa pessoa apenas uma "galinha com ovos de ouro", e enquanto AL Lopas adorava com fervor junto aos humanos, um homem mau chamado Harpagon veio vê-lo. Ele era um nobre rico mas, naquela ocasião, ele se vestira com trapos simples para passar por um homem pobre e carente. Ele falou com AL Lopas nestes termos: "Olá, senhor, bom dia! A sua fama está começando a percorrer os bairros e eu soube que você está fazendo milagres." 

    AL Lopas, um pouco envergonhado, respondeu: "Hum... milagres. A palavra é grande, mas estou apenas encorajando as pessoas a acreditarem em Deus para que rezem para Ele, em seus momentos de dificuldade." 

    Harpagon replicou: "Sim, sim! É lindo, bem, aqui estou. Eu também preciso de ajuda, acabo de receber meu primeiro campo, e admito que não sei onde oferecer trabalho... Então, eu pensei... bem... você vê, não é mesmo?" 

    AL Lopas lhe disse: "Sim, claro. Mas antes, você acredita em Deus como o motor do mundo? E você quer viver na mais pura virtude divina? Você está pronto para apoiar financeiramente a construção do seu reino divino neste mundo?" 

    Harpagon, impaciente, respondeu hipocritamente: "Sim, eu estou. Eu acredito em tudo isso e irei o mais longe que puder para a oração comum!"

    AL Lopas: "Bem, então ajoelhe-se ao meu lado, vamos rezar juntos à Deus para que você possa colher bens que estejam à altura do seu compromisso espiritual e material." 

    AL Lopas ajoelhou-se e implorou para rezar silenciosamente, enquanto listava uma sequência estranha de números. Harpagon o observava pelo canto do olho sem entender, mas entusiasmado com a ideia de ficar mais rico. Quando finalmente AL Lopas se levantou, Harpagon ainda permaneceu ajoelhado por alguns momentos fingindo rezar, por pura hipocrisia e, logo depois, se levantou e agradeceu ao santo muito rapidamente. No dia seguinte, quando acordou, foi dar um passeio em suas terras e quase desmaiou quando descobriu que boa parte de sua colheita havia desaparecido durante a noite.

    A redenção 

    Harpagon foi embora, muito descontente por ver o jovem AL Lopas. Ele o acusou violentamente: "Ei, você! Fale-me rapidamente: Que fraude é essa que você chama de oração? Você já viu o estado dos meus campos?" 

    AL Lopas, então, se aproximou dele gentilmente, não tendo dificuldade em entender o que aconteceu. Então, com uma voz calma e firme, respondeu: "Claro que eu vi o estado de seus campos... mas você, do seu lado, viu como a sua sede por bens terrenos o fez feio? Não, não feio por fora. Você está orgulhoso de ter mentido, esperando um aumento de lucros que você não precisava? Você tem sido generoso ao dar donativos na missa? Olhe para os pobres ao seu redor, eles não têm muito, mas não hesitam em compartilhar e serem humildes com Deus... Você não admira a convicção deles?" 

    Harpagon não sabia o que responder, houve um longo momento de silêncio, quando finalmente se ajoelhou e, humildemente, perguntou à AL Lopas: "Diga-me... como posso redimir minhas faltas?" 

    A traição 

    Harpagon, então, se tornou discípulo de São AL Lopas. A fama e o sucesso dos sermões de AL Lopas estavam longe de agradar seu pai, o grande banqueiro Krediet. De fato, os burgueses agora preferiam financiar as boas obras dos cultos, em vez de confiar-lhe o seu dinheiro. Entusiasmado com o sombrio e ganancioso Belzebu, Krediet, primeiramente tentou convencer seu filho à entrar no caminho dos bancos da família. AL Lopas recusou-se sucessivamente a cobrar comissões nos donativos do culto, a desviar fundos e a subcontratar as operações de tesouraria da comunidade por seu pai. Após muitas discussões tempestuosas entre eles, o duro Krediet decidiu agir e contratou Aubagne, um vil industrial cansado de ver as pessoas comuns passarem cada vez mais tempo rezando em vez de trabalhar, que achava que agora era hora de acabar com as façanhas de AL Lopas. 

    Eles desenvolveram um plano extremamente simples para derrubar o AL Lopas: Krediet usou parte de sua fortuna pessoal para pagar alguns mercenários recrutados por Aubagne, que facilmente se encarregaram acertar as contas com o santo homem, sob os olhos desolados de seu discípulo Harpagon. A luta não durou muito, e ele foi apunhalado no estômago. Quando finalmente o deixaram para morrer, AL Lopas teve a coragem de pronunciar uma última frase a Harpagon que estava ao seu lado: "Não se esqueça de votar nos Reinos da Renascença... uma vez por dia..."  AL Lopas não teria realmente morrido naquele momento, graças à proteção de Deus e sua imunidade angélica, mas nunca mais apareceu a qualquer homem, desde então. De agora em diante, ele se dedicou exclusivamente ao seu papel de mensageiro à serviço dos Arcanjos, do Grande Patrono, bem como a ser o elo espiritual privilegiado entre os homens e os santos do Paraíso Solar. 

    Citação:

      O impossível é uma falta de Fé e prova de mesquinhez! Para conseguir algo você tem que ter a coragem de pagar o preço!

    Relíquia:

      Uma estranha caixa, feita com madeira da floresta Draguignan, com alguns números escritos nela... Para que ela poderia ser usada?



_________________

It's just a game!
Revenir en haut de page
Voir le profil de l'utilisateur Envoyer un message privé
Montrer les messages depuis:   
Poster un nouveau sujet   Ce sujet est verrouillé; vous ne pouvez pas éditer les messages ou faire de réponses.    L'Eglise Aristotelicienne Romaine The Roman and Aristotelic Church Index du Forum -> Igreja de Portugal - L'Église de Portugal - Church of the Kingdom of Portugal -> Capítulo do Repositório Toutes les heures sont au format GMT + 2 Heures
Page 1 sur 1

 
Sauter vers:  
Vous ne pouvez pas poster de nouveaux sujets dans ce forum
Vous ne pouvez pas répondre aux sujets dans ce forum
Vous ne pouvez pas éditer vos messages dans ce forum
Vous ne pouvez pas supprimer vos messages dans ce forum
Vous ne pouvez pas voter dans les sondages de ce forum


Powered by phpBB © 2001, 2005 phpBB Group
Traduction par : phpBB-fr.com